Alimento funcional. Mas o que é isso?

Padrão

A gente ouve, ouve, muitas vezes até reproduz, mas não tem a mínima ideia do que se trata um alimento funcional.

Então, vamos entrar um pouco em definições científicas para entendermos o que se trata algo funcional? As ciências sociais, especificamente na sociologia e na antropologia sociocultural, o funcionalismo (também chamado análise funcional) é uma filosofia sociológica que originalmente tenta explicar as instituições sociais como meios coletivos de satisfazer necessidades biológicas individuais. 

Sendo assim, os Alimentos funcionais são aqueles alimentos ou ingredientes que, além das funções nutricionais básicas, quando consumidos como parte da dieta usual, produzem efeitos metabólicos, fisiológicos e/ou benéficos à saúde. Eles devem ser seguros para consumo sem supervisão médica e  sua eficácia e segurança devem ser asseguradas por estudos científicos.

Trata-se de um alimento natural ou enriquecido com aditivos alimentares como – entre outros – vitaminas, minerais dietéticos, culturas bacterianas, Ômega 3, antocianinas, carboidratos – fibras (como probiótico, prebióticos, etc.) que possam contribuir para a manutenção da saúde e redução do risco de doenças.

No Brasil, são vários os produtos que tentam agregar um valor nutricional maior aos alimentos. Já está sendo produzindo, em caráter experimental, um amido de milho que agrega aveia, cevada, arroz e milho, vitaminas e ferro. Algumas marcas de leite incluem em sua composição o ferro, que ajuda no tratamento da anemia, principalmente entre crianças e idosos, além de várias vitaminas com funções diversas e até um ácido chamado ômega-3, que ajuda no controle do colesterol prevenindo doenças cardiovasculares.

Para se beneficiar dos alimentos funcionais é necessário que o seu consumo seja regular, pois esses alimentos funcionam somente quando fazem parte de uma dieta equilibrada. Ou seja, se a pessoa estiver utilizando um alimento para o controle do colesterol, ela terá resultados positivos apenas se associá-lo a uma dieta pobre em gordura saturada e colesterol.

Vou mencionar alguns: as sementes (quinoa, chia, aveia, amaranto, linhaça), probioticos (iogurtes zero, desnatados), integrais são alguns alimentos ajudam seu organismo a funcionar melhor, trazendo benefícios a sua saúde. Agora você já sabe, quando falarem de Alimento Funcional, engloba tudo que ajuda a fazer seu organismo a funcionar melhor e te proporcionar mais saúde e qualidade de vida.

Bem, fico por aqui e já sabe: que não nos resto gordura localizada any more. FUI…

Fonte: Vale Mais Alimentos

Semente de Mostarda. Saiba porque e como usá-la

Padrão

Não subestime esse grãozinho

Menor que um grão de arroz. Aparentemente você pode olhar com desdem com ela, mas acredite: é poderosa! Tenho feito uso dela no frango. Tempero o frango com curry e ponho bastante semente e quando grelho-o, huuuuuum. Faço melhor que Ana Maria Braga, fico embaixo da mesa mesmo para não dar meu frango a ninguém #soudesses.

Bem, a mostarda é rica em vitamina A, responsável pela integridade da pele e das mucosas; vitaminas do complexo B, importantes no metabolismo energético; e em sais minerais, elementos que são constituintes estruturais dos tecidos corpóreos. Também possui uma pequena quantidade de calorias, sendo indicada para pessoas que querem manter ou reduzir o peso.  É rica fonte de ômega-3 os ácidos gordos, magnésio, selênio e zinco. Estes nutrientes têm demonstrado reduzir a prevalência da artrite reumatóide, e da gravidade da asma, devido às suas propriedades anti-inflamatórias. O teor de magnésio em sementes de mostarda ajuda a reduzir a pressão arterial elevada.

Os benefícios de saúde de mostarda amarela também incluem sua capacidade para reduzir as crises de enxaqueca, para evitar que o corpo a partir do desenvolvimento de doenças cardíacas, e para aliviar alguns dos sintomas dolorosos da menopausa. Os compostos anti-inflamatórios em mostarda amarela, de acordo com alguns estudos, têm mostrado ser capazes de prevenir a doença de Alzheimer. São uma fonte rica de antioxidantes, e possuem propriedades antifúngicas e anti-séptico, que fazem o seu consumo altamente útil para o corpo.

Eu não sugiro consumir a mostarda engarrafada por ser rica em sódio, o que já mostramos aqui não ser legal. Então, como sou legal, além do frango, aprenda a fazer seu molho de mostarda. Isto pode ser feito por esmagamento das sementes em vinagre, água ou vinho e, em seguida moendo-a em uma pasta lisa. Para tornar os sabores mais interessante, você pode adicionar outras especiarias, como pimenta, alho, páprica ou, juntamente com uma pitada de sal.

Bem, usem e sejam felizes. Fico por aqui e já sabem: que não nos reste gordura localizada any more. FUI…

Inclua Levantamento de Terra no seu treino e arrase na definição

Padrão

Milagre da musculação. Um exercício e milhões de músculos trabalhados

 

Eu não sei como é seu treino na academia, mas, no geral, por dia trabalhamos uns dois grupos distintos. Eu, por exemplo, trabalho em dias alternados Pernas e Ombros, Peito e Costa, Bíceps e Tríceps. São, em média, 5 exercícios por grupo muscular para poder trabalhá-los por completo.

Existem alguns exercícios que considero extremamente funcionais, pelos benefícios e, o principal, por trabalhar inúmeros grupos durante a execução. Um deles é o Levantamento de Terra ou Deadlift. Se você me perguntar o porquê, veja a imagem acima e a quantidade de músculos que são ativados durante sua execução. Nenhum outro é tão complexo é fundamental. Sabe por quê?

O levantamento terra é um exercício integrado que trabalha os principais músculos do corpo, com a maior ênfase nos músculos eretores da espinha, trapézio, pernas e glúteos, além dos músculos estabilizadores dos antebraços, ombros e mãos. Não há, enfim, melhor exercício para toda a cadeia de músculos posteriores do que o levantamento terra. Devido ao grande número de músculos envolvidos e às cargas altas que são movidas, o levantamento terra provoca um estímulo massivo no seu organismo, provocando adaptações no sistema nervoso, recrutamento muscular e metabolismo, tudo isto se traduzindo em mais condicionamento cardio-respiratório e mais massa magra, resultando em um crescimento muscular mais uniforme e equilibrado.

“Fazer o levantamento terra permite que a pessoa fique sempre em postura correta durante as atividades do dia-a-dia, devido a necessidade de se manter uma postura adequada em sua execução. Novos estudos têm mostrado que a execução do levantamento terra, pelo menos 1x na semana, resultou em grande melhora no alívio de dores lombares em pacientes com discopatias (problemas relacionados aos discos intervertebrais).”

Saiba como executá-lo:

 

 

A postura é essencial. Não curve a coluna. É simples. 3 séries de 10 são o suficiente

 

Recomendo o exercício.

 

Bem, fico por aqui e já sabe, que não nos reste gordura localizada any more. FUI… >>>

 

O marketing dos alimentos livres de gorduras trans

Padrão

Puro marketing

A onda de alimentação saudável é sempre uma faca de dois gumes. E o marketing é cruel e acaba fazendo com que caiamos em pegadinhas do tipo: alimento livre de gordura trans. E o legal é que fica bem destacado nas embalagens e nós achamos que estamos fazendo um bom negócio, mas será?

Quem ler este blog não será mais enganado com essas publicidades que, insisto, são um desserviço no quesito nutrição e saúde. De fato, devemos estar atentos aos componentes dos alimentos contidos nas informações nutricionais. Dentre as gorduras compostas dos alimentos, devemos rejeitar aqueles que contêm muita gordura saturada e trans, as prejudiciais a nossa saúde.

Mas você podem me indagar: “por que, então, Marcio, alimentos livres de gorduras trans são puro marketing?”

Caros meus, o que você devem entender é o conjunto da obra. Se o alimento é livre de gordura trans, mas tem quantidades altamente significativas de gordura saturada, sódio, colesterol e açúcar, você, realmente, acha que está fazendo um bom negócio?

Cuidado, o tiro pode sair pela culatra e a indústria alimentícia mais a área de marketing não querem saber do seu bem-estar, mas que você ache que está fazendo uma boa escolha, escolha essa mascarada. Atentem não apenas ao “milagre” de 0% de trans, mas quanto tem de gordura saturada, açúcar, sódio e colesterol nos alimentos.

E já sabem, que não nos reste gordura localizada any more. FUI…

Abacate com cacau: um milagre gastronômico aos chocólatras

Padrão

Todos “vibra” com essa dica #uebaaaaaaaaaa

Para tudo! Se você é chocólatra como eu e na sua dieta o vilão se chama  CHOCOLATE, seus problemas acabam aqui e agora. Ao menos as minhas dores de cabeça, pela tentação de detonar uma barra de chocolate, acabaram.

Na minha última ida à nutricionista, ela sugeriu meio abacate por dia no desjejum. Pensei: como vou fazer? Como eu adoro vitamina de abacate, perguntei se poderia acrescentar leite desnatado e fazer uma vitamina. Ela disse que sim e que, de fato, seria ótimo.

Saí de lá pensativo e como já tinha conhecimento dos benefícios do cacau (comento abaixo e detalho em outro post. vamos por partes), uni o útil ao agradável na tentativa de coibir meu desejo pelo bendito chocolate.

Primeiro dia, corto meio abacate, com 100ml de leite desnatado, 1 colher de sopa de cacau em pó e 20 gotas de adoçante de Sucralose. Bate tudo no liquidificador. É meio difícil pra bater porque é pouco leite e a lógica é que fique consistente, não líquido.

Gente, se torna um mousse. Fica tão cremoso, mas tão cremoso, que viciei. E detalhe, funcionou. Não tenho mais sofrido tentação de comer chocolate, pois a matéria prima do chocolate é o cacau e o problema do chocolate são as gorduras e açúcar que o cacau puro não tem. Olha, façam na sua casa e me digam. É uma ótima opção de desjejum. Fica divino e vamos aos benefícios do Abacate e Cacau?

Abacate:

O abacate contém de  3-4 gramas de proteína e 8-10 gramas de fibra.Assim, torna-se um excelente suplemento para a perda de peso e ajuda a suprimir a fome e fornecer nutrientes de qualidade para o corpo. Formada basicamente de ácido oleico (a mesma substância anti-inflamatória do azeite de oliva), a gordura do abacate reduz o risco de síndrome metabólica – desordem no metabolismo capaz de desencadear diabetes e ganho de peso. Além de magnésio, de cálcio e de potássio, o abacate possui mais de 15  sais minerais e vitaminas que ajudam a combater a deterioração da pele / rugas, doenças do coração e câncer. Isso faz com que o abacate seja um alimento excelente apoio para aqueles que procuram aumento de energia, uma aparência jovem, ou um estilo de vida saudável.

Outro componente da fruta que favorece o emagrecimento é a glutationa. “Essa substância, presente naturalmente no organismo, é reforçada pelo o abacate. Resultado: maior controle nos níveis de cortisol, o hormônio do stress que, em excesso no organismo, dificulta a perda de peso”, explica Daniela Jobst, nutricionista da Nutrijobst, em São Paulo. Pior: faz você acumular gordura especialmente na barriga. A glutationa ainda tem ação detox – ou seja, contribui com o fígado na eliminação das toxinas.

Cacau:

O cacau é uma das maiores fontes de polifenóis -substancias antioxidantes (flavonóides) que desempenham um papel importante na prevenção do câncer e na inibição de processos inflamatórios no organismo.  O cacau possui vitaminas A, B, C, D e os minerais potássio, ferro e flúor, contendo ainda uma quantidade considerável de ácido oléico (gordura monoinsaturada), o mesmo encontrado no azeite de oliva. As gorduras monoinsaturadas são “gorduras do bem” protegendo as artérias, elevando o bom colesterol (HDL) e diminuindo o colesterol ruim (LDL) impedindo assim o acúmulo de gordura nas paredes dos vasos sanguíneos e reduzindo o risco de doenças cardiovasculares, como aterosclerose e hipertensão, promovendo a saúde do coração.

O cacau eleva os níveis de serotonina e endorfina, conhecidos também como os hormônios da paixão, provocando uma sensação relaxante e de bem-estar.

Seu consumo reforça o sistema imunológico e melhora a agilidade mental, aumenta a capacidade de aprendizado e ajuda a manter o fluxo de energia, o que se mostra muito benéfico durante a infância.

O cacau em pó possui ainda diversas vitaminas e minerais como cálcio, fósforo, ferro, potássio, sódio, vitamina C e vitamina E, além de uma alta concentração de fibra dietética, cerca de 30%. Também contém proteínas e seu valor calórico é definitivamente muito mais baixo em relação ao chocolate.

O cacau facilita a produção de energia muscular já que os flavonóides encontrados no cacau aumentam a produção de mitocôndrias dentro dos músculos. Uma das funções básicas da mitocôndria é a produção de energia muscular.

O cacau in natura também é rico em anandamina, sendo o único alimento em que essa substância foi encontrada. A anandamina é uma endorfina  natural que o corpo produz após atividades físicas, também conhecida como “felicidade química”.

Além disso, o cacau é rico também em triptofano que contribui para a produção da serotonina, o hormônio anti-stress.

E aí, crianças, se convenceram? Vão adotar essa receitinha fácil, barata, deliciosa e super nutritiva? Eu não abro mão por nada. Consumo diário.

Fico por aqui e não esqueça: que não nos reste gordura localizada. FUI…

Sódio, realmente um vilão?

Padrão

Será que ele é mesmo um vilão?

Então, pessoas, fui pesquisar para responder esta pergunta: o sódio é realmente um vilão?

Bem, a resposta é: em excesso, sim. Tudo é prejudicial. Mas, o que vamos tratar aqui é o porquê de médicos e imprensa especializada terem, ultimamente, chamado bastante atenção a esse ingrediente bastante comum em nossa alimentação.

Antes de tudo, é necessário que compreendamos que o sódio é essencial ao nosso organismo. Ele age regulando as funções básicas, como o ritmo cardíaco, pressão arterial, absorção de glicose, volume do sangue no corpo. Contudo, com a chegada das comidas industrializadas e fastfoods as pessoas passaram a consumir muito além do que nosso organismo precisa: 2,4g.

E aí é que entra a perseguição ao consumo de sódio. Devemos ficar atento a quantidade dele nos alimentos, principalmente enlatados, industrializados e afins. Sódio em excesso aumenta o risco de hipertensão, acidente vascular cerebral, catarata, pedra nos rins e câncer de estômago.

Se o nível de sódio do organismo fica alto, ele pode liberar hormônios que causam a retenção de líquido e inchaço, e os rins não dão conta de filtrar e excretar o sódio e fica com seu desempenho comprometido.

Os 9 alimentos com maior teor de sódio (lista em ordem decrescente) são:

  1. Shoyo: 1 colher (sopa) tem 100% do que devemos consumir no almoço
  2. Mortadela: uma porção de 40g tem 2g de sódio
  3. Salame: uma porção de apenas 40g tem 3 g de sódio
  4. Macarrão Instantâneo: Algumas marcas chegam a ter 2,1g de sódio
  5. Pratos Semiprontos: chegam a ter 42% do total de sódio diário
  6. Lasanha congelada: 325g tem 60% da necessidade diária de sódio
  7. Batata Chips: deve ter até 0,3g de sódio para cada 100g de batata
  8. Cereais Matinais: 30g tem mais de 50% do que a criança precisa
  9. Sopas: Geralmente há mais de 2g por porção

Evite frequentemente esses produtos, temperar alimentos com temperos prontos. Descubra o poder das ervas naturais e use-as com frequência. E tenho mais dicas para que você consuma menos sódio:

  • Escolha marcas que já optaram pelo selo mundial Programa Minha Escolha, cujos produtos atendem as recomendações da OMS e tem baixos teores de sódio
  • Alimentos com mais de 480mg de sódio por porção são considerados ricos nesse mineral e portanto devem ser consumidos com moderação
  • Por outro lado, alimentos considerados livres de sódio devem conter até 5mg do mineral por porção
  • E os alimentos com quantidades muito baixa de sódio devem conter até 35mg por porção.

Para combater o acúmulo de sódio consuma espinafre, tomate, abóbora, banana e manga (exemplos de vegetais que possuem potássio, mineral que ajuda a eliminar o sódio do organismo).

Bem, fico por aqui. E que não nos reste mais gordura localizada. FUI…

Fontes: http://www.nutricao.inf.br / http://www.entrelinea.com.br / Revista Suplementação.

A água que você toma é boa?

Padrão

Água ideal, existe?

Vocês devem achar que estou devaneando, né? Mas nem tô, viu? Sabe o que sucede, vou explicar.

As pessoas acham que água por si só basta. Tudo bem, pode até ser, mas ás águas comercializadas hoje, os processos de purificação delas podem acarretar em algumas alterações químicas que fazem com que elas percam um pouco na sua composição.

Uma coisa todos os especialistas concordam, existe sim um tipo de água que é considerada, pela sua composição, a ideal para bebermos. Calma, se você não toma a água ideal não precisa dizer que está #chatiado e vai tomar só coca. Vamos entender para que fiquemos mais espertos e façamos, apenas, as escolhas certas. Informação nunca é demais.

Uma das primeiras coisas que deveria ser observada é o pH da água, que deve ser acima de 7, pois nosso corpo tem pH em torno de 7.4, então se consumimos água com pH inferior, não nos mantemos alcalinos e sim com hiperacidez orgânica. Em um ambiente ácido é muito mais fácil o desenvolvimento de doenças.

Há o fator do sódio também, muitas delas têm muito sódio e vocês sabem que não é legal, né? Causa retenção de líquido e muitos outros probleminhas de saúde. Tomar água da torneira também não é legal. Além de não ter certeza se o pH é o ideal, também acaba consumindo quantidades consideráveis de cloro, já que este auxilia na eliminação de bactérias, porém maléfico para a saúde humana. Além disso, tem pouca quantidade de minerais que são importantes para a manutenção de um organismo saudável.

E quanto à água mineral engarrafada? De acordo com a Nutricionista Vera Lúcia Moratelli, além de ter concentração reduzida de minerais, o que é semelhante a água da torneira, ainda tem o fato de estar acondicionada em recipiente plástico e certamente no transporte ter sido submetida a temperaturas altas, fazendo com que o recipiente libere na água produtos tóxicos, como bisfenol, dioxina e o xenoestrógenos, que são alguns dos responsáveis pelo desenvolvimento de câncer, como de próstata, mama e também por disfunções da tireoide.

E agora, estamos ferrados, não beberemos mais água? Calma gente… Ainda de acordo com Moratelli, tomemos água filtrada. O melhor filtro é aquele que garante a purificação da água (eliminação de bactérias através da presença de prata coloidal e de metais pesados através do carvão ativado), que tenha quantidade considerável de micronutrientes (entre eles o magnésio, fundamental para o bom funcionamento intestinal, contração muscular, unhas fortes etc.) e tenha pH superior a 7, garantindo alcalinidade.

Agora já sabem. Fiquem espertinhos nas águas consumidas.

Fico por aqui e que não nos reste gordura localizada.